jusbrasil.com.br
2 de Dezembro de 2021
2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul TJ-RS - Agravo de Instrumento : AI 0050080-65.2017.8.21.7000 RS

Detalhes da Jurisprudência
Órgão Julgador
Vigésima Primeira Câmara Cível
Publicação
02/06/2017
Julgamento
31 de Maio de 2017
Relator
Marco Aurélio Heinz
Documentos anexos
Inteiro TeorTJ-RS_AI_70072859655_2c557.doc
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

AGRAVO DE INSTRUMENTO. RESTITUIÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA. JUNTADA DA DECLARAÇÃO DE IMPOSTO DE RENDA. CABIMENTO.

O imposto de renda é tributo cujo fato gerador é complexivo, motivo pelo qual impõe a lei a obrigatoriedade da declaração de ajuste pelo contribuinte. Nessa sistemática, as retenções na fonte são meras antecipações do pagamento do imposto presumivelmente devido, a ser apurado em declaração de ajuste anual, apresentada sempre no exercício financeiro seguinte ao da percepção dos rendimentos. Assim, cabível a intimação da parte exequente para juntar aos autos Declaração de Ajuste Anual do Imposto de Renda ano-calendário 2007.Agravo desprovido.
Disponível em: https://tj-rs.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/911013617/agravo-de-instrumento-ai-70072859655-rs

Informações relacionadas

Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul TJ-RS - Agravo de Instrumento : AI 0050080-65.2017.8.21.7000 RS

Tribunal Regional do Trabalho da 10ª Região
Jurisprudênciaano passado

Tribunal Regional do Trabalho da 10ª Região TRT-10 - AGRAVO DE PETIÇÃO : AP 0001754-48.2016.5.10.0022 DF

Pâmela Francine Ribeiro, Advogado
Modeloshá 3 anos

Inicial Tributária - Ação declaratória de isenção de imposto de renda para portadores de doença grave cumulada com pedido de restituição do indébito