jusbrasil.com.br
16 de Agosto de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul TJ-RS - "Agravo de Instrumento": AI XXXXX RS

Detalhes da Jurisprudência

Processo

Órgão Julgador

Nona Câmara Cível

Publicação

Julgamento

Relator

Eugênio Facchini Neto

Documentos anexos

Inteiro TeorTJ-RS_AI_70083275487_93625.doc
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

AGRAVO DE INSTRUMENTO. RESPONSABILIDADE CIVIL. AÇÃO DE BUSCA E APREENSÃO. VEÍCULO VENDIDO E NÃO TRANSFERIDO. DISCUSSÃO ACERCA DA POSSE DO BEM.

Inobstante alegue a agravante que o agravado não realizou a transferência do veículo nem o pagamento do IPVA e das taxas, restou incontroverso que o bem foi adquirido por ele por meio de contrato de compra e venda firmado entre as partes.Com isso, deverá permanecer na posse do veículo, como depositário fiel, até o deslinde do feito.AGRAVO DE INSTRUMENTO DESPROVIDO.(Agravo de Instrumento, Nº 70083275487, Nona Câmara Cível, Tribunal de Justiça do RS, Relator: Eugênio Facchini Neto, Julgado em: 05-02-2020)
Disponível em: https://tj-rs.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/807441654/agravo-de-instrumento-ai-70083275487-rs

Informações relacionadas

Tribunal de Justiça do Paraná
Jurisprudênciahá 21 anos

Tribunal de Justiça do Paraná TJ-PR - Apelação Crime: ACR XXXXX PR Apelação Crime - 0158083-8

Joelma Almeida, Advogado
Modeloshá 6 anos

[Modelo] Busca e apreensão de veículo contra Réu incerto

Superior Tribunal de Justiça
Jurisprudênciahá 8 anos

Superior Tribunal de Justiça STJ - AGRAVO REGIMENTAL NO AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL: AgRg no AREsp XXXXX RS 2014/XXXXX-3

Tribunal de Justiça do Paraná
Jurisprudênciahá 8 meses

Tribunal de Justiça do Paraná TJ-PR - Recurso Inominado: RI XXXXX-86.2020.8.16.0056 Cambé XXXXX-86.2020.8.16.0056 (Acórdão)

Tribunal de Justiça de Minas Gerais
Jurisprudênciahá 6 anos

Tribunal de Justiça de Minas Gerais TJ-MG - Apelação Cível: AC XXXXX20074367001 MG