jusbrasil.com.br
29 de Junho de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul TJ-RS - Agravo de Instrumento: AI 70076076116 RS

Detalhes da Jurisprudência

Processo

AI 70076076116 RS

Órgão Julgador

Oitava Câmara Cível

Publicação

Diário da Justiça do dia 27/03/2018

Julgamento

22 de Março de 2018

Relator

Rui Portanova

Documentos anexos

Inteiro TeorTJ-RS_AI_70076076116_66d5b.doc
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

AGRAVO DE INSTRUMENTO. ALIMENTOS PROVISÓRIOS AO FILHO COMUM. MAJORAÇÃO. DESCABIMENTO.

Descabe majorar os alimentos fixados ao filho comum em 2,5 salários-mínimos, na medida em que não provada a insuficiência de tal valor para o suprimento das necessidades. A genitora arrolou, como despesas do menor, gastos evidentemente superestimados, e gastos que não podem ser integralmente imputados ao menor. Ademais, como a genitora trabalha e aufere renda, ela pode e deve arcar com a sua parte no suprimento das despesas do filho comum. NEGARAM PROVIMENTO. (Agravo de Instrumento Nº 70076076116, Oitava Câmara Cível, Tribunal de Justiça do RS, Relator: Rui Portanova, Julgado em 22/03/2018).
Disponível em: https://tj-rs.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/560813782/agravo-de-instrumento-ai-70076076116-rs