jusbrasil.com.br
14 de Agosto de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul TJ-RS - Agravo: AGV XXXXX RS

Detalhes da Jurisprudência

Processo

Órgão Julgador

Décima Terceira Câmara Cível

Publicação

Julgamento

Relator

Alzir Felippe Schmitz

Documentos anexos

Inteiro TeorTJ-RS_AGV_70071226419_c8bea.doc
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

AGRAVO INTERNO PROVIDO. RECONSIDERADA A DECISÃO MONOCRÁTICA.

Constatado o equívoco na decisão hostilizada que não conheceu do agravo de instrumento por conta da intempestividade, dá-se provimento ao recurso para reconsiderar a decisão e processar o agravo de instrumento. AGRAVO DE INSTRUMENTO RECEBIDO NO DUPLO EFEITO. AGRAVO INTERNO PROVIDO DE PLANO. (Agravo Nº 70071226419, Décima Terceira Câmara Cível, Tribunal de Justiça do RS, Relator: Alzir Felippe Schmitz, Julgado em 17/11/2016).
Disponível em: https://tj-rs.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/406774795/agravo-agv-70071226419-rs

Informações relacionadas

Superior Tribunal de Justiça STJ - AgInt no RECURSO ESPECIAL: AgInt no REsp XXXXX MG 2021/XXXXX-4

E agora Doutor! O que é Agravo de Instrumento?

Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul
Jurisprudênciahá 10 anos

Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul TJ-RS - Agravo: AGV XXXXX RS

Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul
Jurisprudênciahá 6 anos

Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul TJ-RS - Agravo: AGV XXXXX-30.2016.8.21.7000 RS

Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios TJ-DF: XXXXX-27.2019.8.07.0000 DF XXXXX-27.2019.8.07.0000