jusbrasil.com.br
29 de Junho de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul TJ-RS - Agravo de Instrumento: AI 70070418546 RS

Detalhes da Jurisprudência

Processo

AI 70070418546 RS

Órgão Julgador

Oitava Câmara Cível

Publicação

Diário da Justiça do dia 18/10/2016

Julgamento

13 de Outubro de 2016

Relator

Rui Portanova

Documentos anexos

Inteiro TeorTJ-RS_AI_70070418546_504f7.doc
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

AGRAVO DE INSTRUMENTO. VISITAS COM PERNOITE. ADEQUAÇÃO. INTERESSE DA MENOR.

Caso em que a genitora, que possui a guarda da filha, não se opõe à visitação, mas apenas ao pernoite na casa paterna. Todavia, não há porque alterar o regime de visitação fixado pelo juízo "a quo", quando não há qualquer indício nos autos de que a convivência da menina com o pai possa causar a ela qualquer tipo de prejuízo. Ademais, o pernoite na casa paterna servirá justamente para que a criança se acostume com a presença do pai e passe a criar vínculos com ele. NEGARAM PROVIMENTO. (Agravo de Instrumento Nº 70070418546, Oitava Câmara Cível, Tribunal de Justiça do RS, Relator: Rui Portanova, Julgado em 13/10/2016).
Disponível em: https://tj-rs.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/395994573/agravo-de-instrumento-ai-70070418546-rs