jusbrasil.com.br
17 de Novembro de 2018
2º Grau

Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul TJ-RS - Recurso Cível : 71003173770 RS

PROCESSUAL. DECLARAÇÃO DE NULIDADE DE CONTRATO DESENCADEADOR DA INSCRIÇÃO INDEVIDA NO VALOR DE R$ 23.928,50. CASO CONCRETO ONDE O VALOR DA CAUSA CLARAMENTE DEVE CORRESPONDER AO VALOR DO CONTRATO, O QUAL SUPERA O TETO DO JUIZADO ESPECIAL EVIDENCIANDO SUA INCOMPETÊNCIA. PROCESSO EXTINTO, DE OFÍCIO, SEM RESOLUÇÃO DO MÉRITO.

Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Processo
71003173770 RS
Órgão Julgador
Segunda Turma Recursal Cível
Publicação
Diário da Justiça do dia 17/05/2012
Julgamento
9 de Maio de 2012
Relator
Vivian Cristina Angonese Spengler

Ementa

PROCESSUAL. DECLARAÇÃO DE NULIDADE DE CONTRATO DESENCADEADOR DA INSCRIÇÃO INDEVIDA NO VALOR DE R$ 23.928,50. CASO CONCRETO ONDE O VALOR DA CAUSA CLARAMENTE DEVE CORRESPONDER AO VALOR DO CONTRATO, O QUAL SUPERA O TETO DO JUIZADO ESPECIAL EVIDENCIANDO SUA INCOMPETÊNCIA. PROCESSO EXTINTO, DE OFÍCIO, SEM RESOLUÇÃO DO MÉRITO.

(Recurso Cível Nº 71003173770, Segunda Turma Recursal Cível, Turmas Recursais, Relator: Vivian Cristina Angonese Spengler, Julgado em 09/05/2012)