jusbrasil.com.br
29 de Janeiro de 2022
2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul TJ-RS - Agravo de Instrumento : AI 70057946675 RS

Detalhes da Jurisprudência
Processo
AI 70057946675 RS
Órgão Julgador
Sétima Câmara Cível
Publicação
Diário da Justiça do dia 17/12/2013
Julgamento
13 de Dezembro de 2013
Relator
Liselena Schifino Robles Ribeiro
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

AGRAVO DE INSTRUMENTO. DIREITO CIVIL. FAMÍLIA. AÇÃO DE GUARDA DE NETO. PAIS FALECIDOS. GUARDA PROVISÓRIA DEFERIDA AOS AVÓS MATERNOS. REGULAMENTAÇÃO DAS VISITAS DOS AVÓS PATERNOS.

A regulamentação de visitas materializa o direito, no caso, do neto de conviver com os avós não guardiães, razão pela qual deve ser buscada sempre a forma que melhor assegurar os interesses da criança, atentando-se para a sua faixa etária, em função do seu desenvolvimento físico, mental, emocional e, também, social. Mantida, no caso, a visitação com pernoite. NEGADO SEGUIMENTO. (Agravo de Instrumento Nº 70057946675, Sétima Câmara Cível, Tribunal de Justiça do RS, Relator: Liselena Schifino Robles Ribeiro, Julgado em 13/12/2013)
Disponível em: https://tj-rs.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/113554186/agravo-de-instrumento-ai-70057946675-rs

Informações relacionadas

Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul TJ-RS - Agravo de Instrumento : AI 70057946675 RS

André Carpe Neves, Advogado
Modeloshá 6 anos

[Modelo] Petição Inicial de Ação de Guarda e Tutela de Menor

Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul TJ-RS - Agravo de Instrumento : AI 70036349884 RS